Renove a Casa Pintar Paredes e Tectos

shutterstock_75483178_15428496344ef26018dcf5c.jpg
dekorsilk_18936311124f3167bee5a2f.jpg
FABYSILK
Tinta lisa acetinada. Proporciona acabamentos de grande beleza e lava-se muito facilmente.

  • Acabamento acetinado
  • Muito fácil de limpar
  • Secagem rápida
  • Excelentes propriedades anti-alcalina
dekormatt_6599125984f31679d40514.jpg
FABYMATE
Tinta lisa mate. Proporciona acabamentos de grande beleza e lava-se muito facilmente.

  • Acabamento mate
  • Muito fácil de limpar
  • Secagem rápida
  • Excelentes propriedades anti-alcalina
Antes de começar

Leia as instruções da embalagem ou a ficha técnica do produto.
Avalie o espaço e faça um plano de trabalho.
Certifique-se que tem os materiais necessários:
  • Rolo, Trincha e Pincel, dependendo da superfície e acabamento.
  • Espátula, Lixa e Escova para preparar e uniformizar as irregularidades.
  • Tabuleiro de Pintura para utilizar a quantidade correcta de tinta.
  • Fita adesiva e Plástico para proteger as superfícies que não pretende pintar.
  • Escadote para ter acesso às zonas superiores.

Os rolos são óptimos para pintar grandes superfícies, como paredes e tectos. Os de lã de pêlo baixo são indicados para tintas aquosas e acrílicas e os de espuma são óptimos para esmaltes e vernizes.
Para obter bons resultados, use sempre pincéis de boa qualidade. Para aplicação de esmaltes e vernizes, use os de cerdas escuras. As tintas aquosas e acrílicas devem ser aplicadas com pincéis ou trinchas de cerdas grisalhas.

Afaste os móveis das zonas de pintura e cubra-os com plásticos. Retire as cortinas e todos os adornos das paredes. Isole as áreas que não deseja pintar com fita e, por último, forre o chão.

Ordem de pintura

  1. Comece por pintar o tecto;
  2. Continue pelas paredes;
  3. De seguida continue nas portas;
  4. Não esquecer as janelas;
  5. E finalmente, pinte o rodapé.


Após a renovação

Limpe os seus pincéis, trinchas e rolos. Se utilizou produtos aquosos, lave-os com água e sabão. Se pintou com produtos de base solvente, utilize o respectivo diluente.
Para garantir a conservação dos seus pincéis, percorra as cerdas com um pente, humedeça-os com óleo vegetal e guarde-os enrolados em papel aderente. Ficarão como novos!
Não deite fora a tinta que sobrou. Feche-a e mantenha-a num local fresco e seco. Pode aproveitá-la para fazer pequenos retoques ou para decorar pequenas superfícies.
Se não pretender guardar a tinta, doe-as a instituições de caridade. Nunca a despeje pelo ralo ou em outros cursos de água.
O destino ideal para as latas vazias é o ecoponto amarelo.
Fabylak
Seara.com